Busca


imprimir pdf
O Backup storage

DESCRIÇÃO


Este guia foi criado com o objetivo de o ajudar na ativação do backup storage que possui com a sua oferta de servidor dedicado.
O backup storage está acessível através de vários protocolos:

  • FTPS
  • FTP
  • NFS
  • CIFS

O servidor de backup storage está acessível a partir dos IPs para os quais autoriza o acesso através de uma ACL. Pode criar uma ACL para os IPs que estão na sua conta através do Manager ou API. Por defeito os IPs da sua conta possuem um acesso FTP/FTPS ao backup storage. Os outros protocolos não são autorizados por defeito e para os autorizar deverá criar uma ACL.

GERIR O BACKUP STORAGE


Ativação do seu espaço de backup storage

- Para ativar o seu espaço de backup storage deverá aceder ao manager v6 através do seguinte link:

https://www.ovh.com/manager/dedicated

Clica no seu servidor no menu à esquerda e de seguida acede ao separador Backup storage.

Para ativar o seu espaço de backup basta que clique n ícone: "Ativar Backup storage"

Receberá depois um e-mail com os códigos de acesso ao servidor de backup storage.


Gerir a quota

Para verificar a percentagem de utilização aceda ao seu manager v6 através do seguinte link:

https://www.ovh.com/manager/dedicated

Clica no seu servidor no menu à esquerda e de seguida acede ao separador Backup storage.



Poderá então consultar a taxa de utilização do seu espaço de backup storage.

Reenvio da password

Para reenviar uma nova password para o backup storage aceda ao seu manager v6 através do seguinte URL:

https://www.ovh.com/manager/dedicated

Clica no seu servidor no menu à esquerda e de seguida acede ao separador Backup storage.



De seguida Clica em "perdeu e password?"

Receberá depois um e-mail com os novos códigos de acesso ao servidor de backup storage.

Criação de uma ACL

Para autorizar que um determinado IP possa estabelecer ligação a um servidor de Backup storage deverá criar uma ACL

Através do manager v6


Para criar uma ACL e ativar um protocolo de ligação para um ip no "Backup storage"

Aceda ao manager v6:

https://www.ovh.com/manager/dedicated

  • Clique de seguida no nome do servidor que permite a ativação do "Backup storage".

  • Clique de seguida em "Backup storage"



  • Para adicionar uma ACL clique no botão "Adicionar um acesso" caso o IP não esteja listado.

Ou clique no ícone no final da linha no IP para o qual deseja dar um acesso e clique em "modificar".

  • selecione os protocolos a autorizar e de seguida valide a operação.

Caso deseje eliminar totalmente o acesso ao backup storage para um determinado IP clique no ícone no final da linha nesse mesmo IP.

e depois "eliminar o acesso".

Através da API


Num primeiro tempo aceda à API:

https://api.ovh.com/console/

e autentique-se ao clicar em "Login" no topo superior direito.

De seguida peça a listagem dos ips aos quais pode dar um acesso ao servidor de backup storage.

Para obter a listagem utilize a seguinte função:

GET /dedicated/server/{serviceName}/features/backupFTP/access


Com o seguinte argumento:

serviceName : Nome do seu servidor dedicado.

Veja um exemplo de uma resposta:

[

"213.186.41.107/32",
"5.39.85.206/32",
"87.98.130.36/32",
"91.121.226.240/28",
"213.186.36.156/32",

]

Verifique de seguida se já existe uma ACL criada com a seguinte função:

GET /dedicated/server/{serviceName}/features/backupFTP/access/{ipBlock}


Com os seguintes parâmetros:

back
serviceName :O nome do servidor dedicado
ipBlock :O bloco de IPs obtido na função anterior.


Exemplo de resposta:

{
ipBlock: "87.98.130.36/32",
ftp: true,
lastUpdate: "2014-01-22T13:42:10+01:00",
nfs: false,
cifs: false,

}

Se ainda não possui uma ACL criada utilize a seguinte função:

POST /dedicated/server/{serviceName}/features/backupFTP/access


Com os seguintes argumentos:

serviceName :O nome do servidor dedicado
ipBlock :O bloco de IPs obtido na função anterior.
cifs :Se a opção está selecionada o protocolo cifs será autorizado.
ftp :Se a opção está selecionada o protocolo ftp será autorizado.
nfs :Se a opção está selecionada o protocolo nfs será autorizado.


Caso já existe uma ACL criada deve utilizar a seguinte função para a modificar:

PUT /dedicated/server/{serviceName}/features/backupFTP/access/{ipBlock}



Com os seguintes argumentos:

serviceName :O nome do servidor dedicado
ipBlock :O bloco de IPs obtido na função anterior.
cifs :Se a opção está selecionada o protocolo cifs será autorizado.
ftp :Se a opção está selecionada o protocolo ftp será autorizado.
nfs :Se a opção está selecionada o protocolo nfs será autorizado.



Caso deseje eliminar uma ACL utilize a seguinte função:

DELETE /dedicated/server/{serviceName}/features/backupFTP/access/{ipBlock}


Com os seguintes parâmetros:

serviceName :O nome do servidor dedicado
ipBlock :O bloco de IPs obtido na função anterior.



Eliminação do backup storage

Para eliminar o espaço de basckup storage deverá aceder ao manager v6 através do seguinte link:

https://www.ovh.com/manager/dedicated

Clica no seu servidor no menu à esquerda e de seguida acede ao separador Backup storage.



De seguida Clique em "Eliminar o backup storage"

IMPORTANTE :

A eliminação dos dados é definitiva e os dados são irrecuperáveis.



FUNCIONAMENTO DO BACKUP STORAGE


O Backup storage não copia automaticamente os seus dados no seu servidor, cabe-lhe a si efetuar a transferência dos dados embora possa automatizar essa transferência com um script, caso deseje. Em contrapartida a OVH não fornece nenhum script que permita uma automatização desta tarefa.
Em FTP/FTPS

SOB LINUX


Vamos de seguida determinar qual(ais) é(são) os cliente(s) FTP presentes no servidor:

Para o ncftp (não gere o FTPS) :

nsXXXX: ~# whereis ncftp
ncftp: /usr/bin/ncftp /usr/share/man/man1/ncftp.1.gz

Para o curl :

nsXXXX: ~# whereis curl
curl: /usr/bin/curl /usr/include/curl /usr/share/man/man1/curl.1.bz2


Para o lftp :

nsXXXX: ~# whereis lftp
lftp: /usr/bin/lftp /etc/lftp.conf /usr/lib/lftp /usr/share/lftp /usr/share/man/man1/lftp.1.bz2


Se não for reenviado qualquer comando "/usr/bin/PROGRAMMEFTP", deve de seguida instalar o programa? antes de passar à secção seguinte.

ncftp


  • Se desejar efetuar o backup dos ficheiros de forma individual pode utilizar o seguinte comando:

Note :
Este comando não gere o FTPS e se deseja utilizar FTPS utilize lftp ou curl.



nsXXXX ~ # ncftpput -uFTPUSER -pFTPPASS FTPBACKUPHOST /REMOTE/DIRECTORY /FILE/TO/SAVE


Teremos de substituir:
  • FTPUSER pelo Login FTP
  • FTPPASS pela Password FTP
  • FTPBACKUPHOST pelo nome do servidor para o qual deseja efetuar o backup
  • /FILE/TO/SAVE pelo local do ficheiro a salvaguardar
  • /REMOTE/DIRECTORY pelo local onde vamos colocar o ficheiro, utilize ponto (.) para colocar o ficheiro na raiz do FTP


  • Se deseja efetuar o backup de uma pasta na íntegra pode utilizar o seguinte comando :

Envio de /DIRTOSAVE para o Backup storage na forma de arquivo

tar czf - /DIRTOSAVE | ncftpput -uFTPUSER -pFTPPASS -c FTPBACKUPHOST DIRNAME.tar.gz


Teremos de substituir:
  • DIRTOSAVE pelo caminho da pasta a salvaguardar
  • FTPUSER pelo Login FTP
  • FTPPASS pela Password FTP
  • FTPBACKUPHOST pelo nome do servidor para o qual deseja efetuar o backup
  • DIRNAME pelo nome da pasta a salvaguardar


  • Se deseja recuperar o ficheiro do arquivo criado pode utilizar o seguinte comando :

Recupere o FILEBACKUP e introduza-o na pasta REPLOCAL

ncftpget –v –u FTPPASS -p FTPPASS FTPBACKUPHOST /REPLOCAL /FILEBACKUP


Teremos de substituir:
  • FTPUSER pelo Login FTP
  • FTPPASS pela Password FTP
  • FTPBACKUPHOST pelo nome do servidor de backup storage
  • REPLOCAL pela pasta onde vamos introduzir os dados a efetuar o download
  • FILEBACKUP pelo caminho até ao nome do arquivo no backup storage

Curl


Note :

Para o ftps e para se ligar deverá obter um servidor do género:

ftpback-rbxX-YYY.ovh.net transformado por ftpback-rbxX-YYY.mybackup.ovh.net

E adicione o argumento --ssl nos comandos seguintes.


  • Se desejar efetuar o backup dos ficheiros de forma individual pode utilizar o seguinte comando:

nsXXXX ~ # curl -aT FILETOSAVE ftp://FTPUSER:FTPPASS@FTPBACKUPHOST/REMOTEDIR/


Teremos de substituir:
  • FILETOSAVE pelo nome do ficheiro a salvaguardar
  • FTPUSER pelo Login FTP
  • FTPPASS pela Password FTP
  • FTPBACKUPHOST pelo nome do servidor para o qual desejamos efetuar a salvaguarda
  • REMOTEDIR pelo nome da pasta distante (deve existir)


  • Se deseja efetuar o backup de uma pasta na íntrega:

Envio da pasta /DIRTOSAVE para o backup storage na forma de arquivo

nsXXXX: ~# tar czf - /DIRTOSAVE | curl ftp://FTPUSER:FTPPASS@FTPBACKUPHOST/REMOTEDIR/DIRNAME-$(date +%Y%m%d%H%M).tar.gz -T -


Teremos de substituir:
  • DIRTOSAVE pelo caminho da pasta a salvaguardar
  • FTPUSER pelo Login FTP
  • FTPPASS pela Password FTP
  • FTPBACKUPHOST pelo nome do servidor para o qual vamos efetuar o backup
  • REMOTEDIR pelo nome da pasta distante (deve existir)
  • DIRNAME pelo nome da pasta a salvaguardar


  • Se deseja recuperar o ficheiro do arquivo criado pode utilizar o seguinte comando :

Recupere o ficheiro FILEBACKUP e introduza-o na pasta REPLOCAL

cd /REPLOCAL
curl -u FTPUSER:FTPPASS ftp://FTPBACKUPHOST/FILEBACKUP


Teremos de substituir:
  • FTPUSER pelo Login FTP
  • FTPPASS pela Password FTP
  • FTPBACKUPHOST pelo nome do servidor de backup storage
  • REPLOCAL pela pasta onde vamos introduzir os dados a efetuar o download
  • FILEBACKUP pelo caminho até ao nome do arquivo no backup storage


lftp


Note :

O Lftp faz por defeito uma ligação FTPS. Para se ligar deverá obter um servidor do género:

ftpback-rbxX-YYY.ovh.net transformez le par ftpback-rbxX-YYY.mybackup.ovh.net

Caso contrário obterá uma mensagem de erro relacionada com o certificado ssl.


  • Se desejar efetuar o backup dos ficheiros de forma individual pode utilizar o seguinte comando:

nsXXXX ~ # lftp FTPUSER:FTPPASS@FTPBACKUPHOST -e "cd REMOTEDIR; put FILETOSAVE; quit"


Teremos de substituir:
  • FTPUSER pelo Login FTP
  • FTPPASS pela Password FTP
  • FTPBACKUPHOST pelo nome do servidor para o qual vamos efetuar o backup
  • REMOTEDIR pelo nome da pasta distante (dever existir)
  • FILETOSAVE pelo nome do ficheiro a salvaguardar


  • Se deseja efetuar o backup de uma pasta na íntrega

Envio da pasta /DIRTOSAVE para o backup storage na forma de arquivo

nsXXXX ~# tar czf - /DIRTOSAVE | lftp FTPUSER:FTPPASS@FTPBACKUPHOST -e "cd REMOTEDIR; put /dev/stdin -o DIRNAME-$(date +%Y%m%d%H%M).tar.gz;quit"

Teremos de substituir:
  • DIRTOSAVE pelo caminho da pasta a salvaguardar
  • FTPUSER pelo Login FTP
  • FTPPASS pela Password FTP
  • FTPBACKUPHOST pelo nome do servidor para o qual vamos efetuar o backup
  • REMOTEDIR pelo nome da pasta distante (deve existir)
  • DIRNAME pelo nome da pasta a salvaguardar


  • Se deseja recuperar o ficheiro do arquivo criado pode utilizar o seguinte comando :

Recupere o ficheiro FILEBACKUP e introduza-o na pasta REPLOCAL

cd /REPLOCAL
lftp FTPUSER:FTPPASS@FTPBACKUPHOST -e /FILEBACKUP


Teremos de substituir:
  • FTPUSER pelo Login FTP
  • FTPPASS pela Password FTP
  • FTPBACKUPHOST pelo nome do servidor de backup storage
  • REPLOCAL pela pasta onde vamos introduzir os dados a efetuar o download
  • FILEBACKUP pelo caminho até ao nome do arquivo no backup storage


SOB WINDOWS


Filezilla


  • Estabeleça ligação ao seu servidor através do "Escritório à distância"
  • Inicie o "browser"
  • Faça o download do software Filezilla
  • Instale o software que acabou de efetuar o download (pode recusar a instalação do software)
  • Execute o software e introduza nos campos seguintes as informações contidas no e-mail de ativação do backup FTP:
  • No campo "Host" indique o nome do servidor FTP
  • No campo "Identificador", indique o login e é o nome do servidor físico
  • No campo Password indique a "password" indicada no e-mail
Clique depois em "Ligação rápida"

Note :
A parte à esquerda apresenta o conteúdo local do seu servidor A parte à direita apresenta o conteúdo do servidor de Backup storage


Pode copiar/colar os ficheiros a salvaguardar da esquerda para a direita para os enviar para o servidor de backup e seguir a transferência dos mesmos no fundo da página, nos "Ficheiros na lista de espera"


Em nfs

A função nfs é destinada às distribuições linux, para windows consulte a parte cifs ou ftp.


  • Verifique que adicionou uma ACL para autorizar o protocolo nfs e para tal aceda à secção "criação de uma ACL"

  • Num primeiro tempo instale o "cliente nfs":

  • Em certas distribuições deve iniciar o serviço nfs e portmap.

  • De seguida deve montar a sua partição ao utilizar o seguinte comando:

mount -t nfs FTPBACKUPHOST:/export/ftpbackup/NAMESERVER /DOSSIERMOUNT


Teremos de substituir:

FTPBACKUPHOST: pelo nome do servidor de backup storage.
NAMESERVER: nome do servidor dedicado onde criou o backup storage.
DOSSIERMOUNT: Pasta onde vamos montar o backup storage.

Pode de seguida copiar as pastas/ficheiros para DOSSIERMOUNT com os comandos "shell" clássicos: cp , rsync ...


Cifs

Windows


Para montar o seu backup storage em cifs no seu servidor em Windows verifique que adicionou uma ACL para autorizar o protocolo CIFS para o seu IP e para tal aceda à seção: "criação de uma ACL"


  • Abra uma linha de comandos e execute o seguinte comando:

net use z: \\FTPBACKUPHOST\NAMESERVER


FTPBACKUPHOST: pelo nome do servidor de backup storage.
NAMESERVER: nome do servidor dedicado onde criou o backup storage.

Pode de seguida copiar as pastas/ficheiros para o volume z: com o seu explorador.

Linux


Para montar o seu backup storage em cifs no seu servidor em Linux verifique que adicionou uma ACL para autorizar o protocolo CIFS para o seu IP e para tal aceda à seção: "criação de uma ACL"

En SSH utilisez la commande :

mount -t cifs -o sec=ntlm,uid=root,gid=100,dir_mode=0700,username=root,password= //FTPBACKUPHOST/NAMESERVER /DOSSIERMOUNT


FTPBACKUPHOST: pelo nome do servidor de backup storage.
NAMESERVER: nome do servidor dedicado onde criou o backup storage.
DOSSIERMOUNT: pasta onde montámos o backup storage.